Na nossa sociedade atual, o sujeito tem que comprar um carro aos 18 anos, se formar aos 22, casar aos 28. A “terceira idade” começando aos 60 anos, com vários “direitos” assegurados, como vagas reservadas nas ruas e estacionamentos e filas especiais nos bancos. Isso sem contar que a mesma sociedade reserva a pecha de “tiazonas” para mulheres que muitas vezes ainda nem chegaram aos 40 anos…

Comecei esse texto criticando essa faceta de nossa sociedade porque quero apresentar, pra quem ainda não conhece, o senhor Giorgio Moroder. Nascido Giovanni Giorgio Moroder, em 26 de abril de 1940, em um pequeno vilarejo no norte da Itália, com pouco mais de 4 mil habitantes.

O pessoal que está na casa dos 50 ou 60 certamente já lembrou dele.

Sempre apaixonado pela música, Giorgio lançou seu primeiro single em 1965, já se destacando pelo estilo moderno e ousado. Na década de 70 iniciou uma parceria com a então rainha da era disco, Donna Summer, onde mostrou ao mundo a sua música eletrônica, mudando para sempre o cenário musical do planeta e sendo considerado o pai, ou avô, do que conhecemos hoje por música eletrônica.

Mas Giorgio nunca viveu do passado, como muitos e muitos artistas tupiniquins. Continuou produzindo cada vez mais. Em 1977 foi convidado para compor a trilha sonora do filme Midnight Express (Expresso da Meia-Noite). Resultado? Ganhou o Oscar de melhor trilha sonora em 1979. Feliz? Ainda não. Vieram mais dois, com Flashdance em 1984 e Top Gun em 1987. Interessante, não, como o Sr. Moroder influenciou a sua vida e você nem sabia que ele existia… Ah, existe mais uma dezena de filmes que tem a trilha sonora assinada por ele. Pesquise.

Além desses Oscars, Giorgio arrebatou muitos outros prêmios, Globos de Ouro, Grammys, etc, etc, etc…

Mas como para todos nós, o tempo também passa para o Sr. Moroder, apesar de que isso não o incomoda. Seu último trabalho, de 2015, um álbum com a participação de Kelly Minogue, Britney Spears, entre outros. Também já fez parcerias com a Madonna, Blondie, com o Daft Punk, entre muitos outros. Pesquise também.

E no alto de seus 80 anos continua produzindo e impressionando. Viaja o mundo todo mostrando seus sets nas melhores casas e festas, fazendo muita gente dançar e muita gente muito mais nova do que ele.

Então eu olho para o Sr. Giorgio e me vem essa pergunta: você está velho o suficiente ?

É isso aí !!!
Fernando Zavarelli

 

 

Comentários do Facebook